sábado, abril 13, 2024
InícioNotíciasSuspeitos são presos 42 anos após assassinato de duas jovens, nos EUA

Suspeitos são presos 42 anos após assassinato de duas jovens, nos EUA

Dois americanos foram presos, nesta terça-feira, suspeitos de participação no assassinato de duas jovens, que aconteceu há 42 anos, na cidade de Wheatland, na Califórnia, nos Estados Unidos.
 
De acordo com as autoridades locais, novas amostras de DNA, que estavam sendo analisadas há dois anos, ligaram Larry Don Patterson e William Lloyd Harbour, ambos de 65 anos, às mortes das amigas Valerie Janice Lane e Doris Karen Derryberry, que tinham 12 e 13 anos, respectivamente, quando foram encontradas mortas. As informações são do jornal “The New York Daily News”.
vitimas
 
As amigas foram vistas com vida pela última vez em novembro de 1973, quando passeavam por um shopping. Poucas horas depois, elas foram encontras mortas em uma rodovia de Wheatland. Ambas foram baleadas à queima roupa. Os suspeitos tinham 22 anos quando o crime aconteceu.
 
Segundo investigadores, o caso foi “engavetado” por décadas, depois de três anos de investigações sem sucesso, durante as quais mais de 60 pessoas, incluindo teste
 
O caso foi reaberto em março de 2014, quando investigadores apostaram em novas técnicas forenses, que não existiam em 1973, para tentar descobrir os envolvidos no crime. Finalmente, especialistas encontraram amostras de DNA de Patterson e Harbour em itens que foram coletados no local do crime. Com as novas provas, foram expedidos mandados de prisão contra eles.
 
Os dois foram detidos em suas casa, na Califórnia.
Agora, eles enfrentam acusações de homicídio. Ainda não há data para o julgamento deles.
 
Fonte:The New York Daily News/ Extra/ Globo
 
 
 
RELATED ARTICLES

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Most Popular