terça-feira, abril 16, 2024
InícioNotíciasCheerleaders ganham direitos trabalhistas na Califórnia.

Cheerleaders ganham direitos trabalhistas na Califórnia.

As famosas cheerleaders (animadoras profissionais de torcida) acabam de ganhar uma vitória importante na Califórnia, nos Estados Unidos.
Uma lei assinada ontem pelo governador democrata Jerry Brown muda o status delas de empresários individuais para empregados.
Com isso, elas ganham o direito a salário mínimo e outros benefícios trabalhistas como folgas pagas e pausas para refeição e descanso a partir de 1º de janeiro de 2016.
A lei AB 202 foi uma iniciativa de Lorena Gonzalez, uma congressista democrata por San Diego que foi cheerleader no ensino médio e na Universidade de Stanford.
“Nunca podemos tolerar que passem a perna nas trabalhadoras em nenhum outro ambiente de trabalho, e um jogo da NFL (a liga nacional de futebol americano) não deve ser diferente”, diz ela em comunicado.

cheerleaders

A aprovação ocorre após uma série de processos movidos por animadoras contra times alegando que eles não pagavam em dia, não reembolsavam gastos com viagens e exigiam hora extra sem compensação.
Em testemunho na Comissão da Assembleia para Trabalho e Emprego, a ex-animadora do Oakland Riders, Caitlin Yates, disse que o time as colocava no banco sem pagamento quando ganhavam peso e que elas trabalhavam mesmo quando machucadas por medo de serem demitidas.
A lei teve apoio dos dois partidos e passou por 56 votos contra 23 na Assembleia e 26 contra 6 no Senado.

Fonte: Exame

RELATED ARTICLES

Most Popular